imóvel para locação de curta temporada
Gestão

Imóvel para locação de curta temporada: confira 3 vantagens

Tempo de leitura: 4 min

Investir em imóveis e lucrar com aluguéis é uma prática comum. Mas, o que muita gente está descobrindo é que imóvel para locação de curta temporada também pode ser incrivelmente rentável.

O mercado de locações por temporada está mais em alta que nunca, e é lucrativo, mesmo em momentos de crise, pois há demanda por esse tipo de hospedagem. Ela é considerada mais em conta do que um hotel ou pousada, mesmo nos momentos em que o mercado e as pessoas estão receosos com relação às finanças.

Neste post, mostraremos 3 motivos que comprovam que imóvel para locação de curta temporada vale a pena. Se você quer ficar por dentro desse nicho, siga conosco e descubra quais são essas vantagens!

3 motivos para a locação de imóvel de curta temporada

1. Rendimento

Quando falamos em mercado e investimentos pensamos em rentabilidade. E, sim, imóvel para locação de curta temporada é financeiramente vantajoso.

Quem aluga de forma tradicional uma casa ou apartamento, ou seja, com contratos longos e mensais, terá um valor fixo a ser recebido num acumulado de tempo. No entanto, em épocas festivas como Carnaval e Ano Novo, quando a procura por um imóvel pode aumentar consideravelmente, o proprietário não poderá alterar o valor da locação para aumentar seus lucros.

Isso não acontece nos alugueis de temporada, já que o valor a ser cobrado é definido em cada locação, favorecendo uma rentabilidade maior em cada época do ano ou momento do mercado.

Um dos sites mundialmente mais conhecidos para aluguel por temporada, o Airbnb, estima que em média os brasileiros conseguem lucrar R$ 6 mil anualmente, mas há casos em que esse valor consegue ser arrecadado em um único mês. A locação por temporada pode ocorrer em qualquer tipo de imóvel, inclusive em grandes capitais, e não apenas em cidades turísticas.

2. Controle do imóvel

Em contratos longos de aluguel, muitas vezes o proprietário passa anos sem nem chegar perto do imóvel. Já na locação de curta temporada, isso não acontece. Mas, por que isso seria uma vantagem? É simples: controlar de perto o imóvel permite um melhor acompanhamento das condições de conservação, mantendo o local da melhor maneira possível. Assim, uma menor depreciação do ambiente estará garantida.

3. Mudança dos hábitos de hospedagem

O mercado de imóvel para locação de curta temporada tem crescido principalmente devido à mudança de hábitos de hospedagem. Uma pesquisa feita pelo site Mercado Livre  mostra que os turistas estão interessados em pagar até R$ 200 por uma noite em hospedagens de temporada e que os gastos previstos com acomodação não estão no topo das prioridades. Investir em hotéis ou pousadas relativamente caras não é o objetivo do viajante.

Segundo o levantamento, em janeiro de 2016, 14% dos entrevistados apontaram o aluguel de temporada como a hospedagem para as férias, enquanto no mesmo mês de 2015 este percentual era de 7%. Já a opção de se hospedar em hotel ou pousada caiu de 57% em 2014 para 43% em 2016.

Outro ponto destacado por turistas é a busca por conforto. É possível pagar valores mais em conta e dispor de mais espaço, comodidade e segurança ficando em um imóvel para locação de curta temporada.

É preciso manter o imóvel bem cuidado e conservado

A locação de curta temporada segue a tendência do mercado de turismo, o que significa que, como já citamos, haverá períodos de maior procura.

O proprietário desse tipo de espaço precisa estar atento para cuidar do imóvel e mantê-lo conservado. Com a concorrência, ter um ambiente adequado e que atenda às expectativas dos clientes garantirá que o mesmo esteja entre os mais procurados, o que claramente representará maior rentabilidade.

Outro ponto importante é que o imóvel precisa contar com estrutura própria para receber os hóspedes, como mobiliário e itens do dia a dia. Esteja preparado para isso.

A rentabilidade desse mercado tem aberto novas possibilidades de empregos e criado um ecossistema de negócios no País e, por isso, tem atraído diversos novos investidores. Estar atento ao mercado pode garantir uma ótima fonte de renda a quem está entrando agora nesse mercado e também a quem já possui um imóvel.

Agora que você já conferiu as vantagens do imóvel para locação de curta temporada, continue conosco e conheça também os pontos positivos do aluguel fixo.

Conviva

Dicas de gestão, design e inovação para locação de imóveis por curta temporada. Entenda porque a gestão profissional é fundamental para elevar sua rentabilidade.